Ações do Site Notícias
Acessibilidade - Alto Contraste - Tamanho da Fonte   A+    A    A-
Texto Alternativo Texto Alternativo Texto Alternativo
Domingo, 23 de setembro de 2018 - Aracaju -SE
  HOME MAPA OUVIDORIA
Institucional Texto2
Texto Alternativo
Texto Alternativo
Texto Alternativo
Texto Alternativo
Texto Alternativo
Texto Alternativo
Texto Alternativo
Texto Alternativo
  InstitucionaTopol

PGJ participa da cerimônia militar alusiva à Batalha Naval de Riachuelo
11/06/2018 

O procurador-geral de Justiça José Rony Silva Almeida participou, na manhã do dia 11, na Capitania dos Portos de Sergipe, da cerimônia de comemoração aos 153 anos da Batalha Naval de Riachuelo, Data Magna da Marinha do Brasil.

Na ocasião, houve leitura da ordem do dia do comandante da Marinha, o capitão de Fragata, Alessandro Pires Black Pereira e mensagem do presidente da República alusivas à data.

Após a execução do Hino Nacional Brasileiro, autoridades civis e militares foram condecoradas com a Medalha “Ordem do Mérito Naval”, Medalha “Amigo da Marinha”. Além disso, houve entrega da Medalha Militar e vários militares foram promovidos.

Fez parte da solenidade, a assunção da nova Presidência e Diretoria da Sociedade de Amigos da Marinha em Sergipe (SOAMAR-SE).

Para o PGJ, a data é muito importante. 'Hoje é dia de comemorar essa data histórica , para preservar a memória daqueles que ajudaram a construir nosso País com ética, probidade, respeito e honestidade, valores primordiais e que precisam sempre ser lembrados, principalmente neste momento institucional difícil”, salientou Rony Almeida.

Também estiveram presentes na solenidade, José Rômulo Silva Almeida, procurador chefe do MPF/SE, várias autoridades, familiares e amigos dos homenageados.

A Batalha Naval de Riachuelo

A Batalha Naval do Riachuelo é considerada, pelos historiadores, como a batalha decisiva da Guerra da Tríplice Aliança, travada contra o Paraguai (1865-1870) - o maior conflito militar na América do Sul, somente superado em vítimas, no Novo Mundo, pela Guerra Civil Americana (1861-1865). A importância da vitória nesta Batalha é que, até aquela data, o Paraguai tinha a iniciativa na guerra e ela inverteu a situação, garantindo o bloqueio e o uso pelo Brasil dos rios, que eram as principais artérias do teatro de operações daquela guerra.

A Força Naval Brasileira comandada pelo Almirante Barroso vencia em 11 de junho de 1865 a maior batalha naval da história da nação, sendo a primeira grande vitória da Tríplice Aliança na guerra e, por isto, muito comemorada. Nas águas do rio Paraná, próximo à confluência do Riachuelo, travou-se o sangrento combate que recebeu o nome do pequeno afluente. No decorrer da luta, no navio Capitânia de Barroso, a Fragata Amazonas, foram içados numerosos sinais nos mastros, transmitindo ordens aos demais comandantes brasileiros. Dois deles foram especialmente célebres: “O Brasil espera que cada um cumpra o seu dever” “Sustentar o fogo que a vitória é nossa”.

A guerra foi longa, difícil e causou muitas mortes e sacrifícios. Foi nela, que brasileiros de todas as regiões do País foram mobilizados conheceram-se melhor e trabalharam juntos para a defesa da Pátria. Uma grande contribuição para a consolidação de um país uno, forte e soberano.

Coordenadoria de Comunicação
Ministério Público de Sergipe
Fone: (79) 3209-2865
E-mail: comunicacao@mpse.mp.br
Facebook: mpseoficial
Instagram: mpsergipe

Fotos: Mônica Ribeiro




 

 

Imagem
MPSE
Imagem
MPSE
Imagem
MPSE
Imagem
MPSE
Imagem
MPSE
Imagem
MPSE
     
Texto Alternativo
MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SERGIPE
AV. CONSELHEIRO CARLOS ALBERTO SAMPAIO, 505 - CENTRO ADMINISTRATIVO GOV. AUGUSTO FRANCO - Bairro: CAPUCHO
ARACAJU - SERGIPE - CEP: 49081-000 - Tel:79-3209-2400
Texto Alternativo
Texto Alternativo
Texto Alternativo Desenvolvido pela Diretoria de Tecnologia da Informação
Texto Alternativo Atualizado pela Assessoria de Comunicação do Ministério Público de Sergipe
Texto Alternativo
© 2000 - 2018 - Ministério Público de Sergipe Todos os direitos reservados
Texto Alternativo